Muito se ouve falar dos sintomas de quem está viciado em drogas, mas poucas pessoas sabem exatamente quais são as causas que levam a pessoa a ficar viciada por drogas. Neste artigo iremos mostrar para você quais são as causas e sintomas de vício de drogas.

Os vícios são conhecidas pela necessidade incontrolável de usar algum tipo de droga, de forma compulsiva. As drogas influenciam nas químicas de nosso cérebro, aumentando a dopamina (substância natural do cérebro que causa sensação de prazer), e levando o dependente a uma certa escravidão na necessidade de estar sempre usando drogas, para manter a dopamina ativa.

Em consequência, o comportamento do indivíduo se altera, o que pode lhe causar diversas mudanças no modo que a pessoa vive e sua rotina, além de afetar pessoas em seu redor. Sua utilização constante pode ser fatal, causando algumas doenças e surgimento de diversas sequelas que podem ser irreversíveis.

Conforme a OMS (Organização Mundial da Saúde), a dependência química é considera uma doença crônica, ou seja, que não tem cura, mas que pode ser tratada por meio de clínicas especializadas em reabilitação química.

Fatores que levam ao vício de drogas

Fatores que levam ao vício de drogas

A dependência química pode ocorrer logo no primeiro uso, isso depende muito do tipo de substância a ser utilizada e fatores genéticos que contribuem fortemente ao vício de drogas. Não existe uma regra única, algumas pessoas podem estar sujeitas a elas após alguns anos de uso.

Outros fatores que levam ao vício de drogas, podem ser sociais, econômicos, problemas familiares e sentimentais. Em muitos casos, usuários recorrem ao uso de drogas para aliviar alguma dor sentimental e até físico, para fugir da realidade. Neste caso é preciso tratar a raiz do mal para poder livrar-se do vicio.

Há casos de mulheres que sofrem algum tipo de abuso, seja doméstico ou familiar, que acabam recorrendo a dependência química ou alcoolismo. Nestas situações as Clínicas de Recuperação Ache Aqui, desenvolve diversos trabalhos de encaminhamento para clínicas femininas especializadas, com tratamentos especializados, contando com médicos, terapeutas, psicólogos e psiquiatras.

Assim como as mulheres, os homens tem diversos fatores que recorrem ao uso excessivo de drogas, levando ao vício desenfreado de drogas. Muitos fatores são genéticos, como mencionado anteriormente ou problemas financeiros e sociais.

Segundo o levantamento Nacional sobre o uso de drogas da população brasileira, feito pela Fiocruz em 2015, mostra que a maior parte de pessoas que usam drogas são do sexo masculino. O uso de crack por exemplo conta com 1,4% dos homens, enquanto que as mulheres estão entre os 0,4% de usuárias.

Fatores biológicos, psicológicos e sociais

Fatores biológicos, psicológicos e sociais

Segundo estudos de especialistas, existe uma somatória de fatores que influenciam o usuário, que aumenta suas probabilidades de ser tornar um dependente químico, esses aspectos são de ordem biológica, psicológica e sociais.

Nos fatores biológicos tem relação com hereditariedade, ou seja, as características que são transmitidas de pais para filhos, o que chamamos de fatores genéticos, que determina o potencial da substância que pode lhe causar o vício.

Nos fatores psicológicos, está envolvida nas dificuldades que algumas pessoas possuem em lidar com suas emoções, resolver seus problemas internos, traumas, depressão, ansiedade que interferem diretamente a busca da solução em substâncias químicas.

Nos aspectos sociais, são bem abrangentes, pois está relacionado ao meio que o usuário vive, que podem favorecer a utilização de substâncias químicas, como um lar destruturado, más companhias, desejo de se integrar ao um grupo utilizando drogas ou bebidas, festas sociais, entre outros.

Em todos esses aspectos verificamos as probabilidades que podem levar uma pessoa ao vício, são algumas explicações básicas, claro que existem diversos fatores, cada pessoa é um caso exclusivo e precisa ser compreendida para obter um tratamento adequado.

As drogas mais utilizadas

Neste tópico iremos falar das drogas mais utilizadas que levam ao vício. São diversas drogas, mas vamos abordar a mais conhecidas, que são aquelas conhecidas como psicoativas e sintéticas,

As drogas psicoativas são aquelas que atuam no cérebro humano e acabam afetando a atividade mental, pois algumas têm o maior potencial para ativar a liberação da dopamina, aumentando a sensação de prazer.

As drogas sintéticas, como anfetaminas, LDS, Ecstasy, são aquelas produzidas em laboratório, que tem o maior potencial de causar dependência química para quem usa. Há outras drogas conhecidas como semissintéticas, também produzidas em laboratórios, a partir de sustâncias naturais, como no caso da cocaína e do Crack, que também causam um estrago grande na vida do dependente.

Dentre das drogas mais utilizadas que podem afetar a vida do usuário, são elas: Maconha, Cocaína, Crack, Nicotina e Álcool.

Quais são os sintomas do vício de drogas?

Quais são os sintomas do vício de drogas

A princípio não é fácil reconhecer os sintomas de uma pessoa com vício de drogas, porque dependente muito do tipo de droga que usuário está consumindo, os transtornos podem ocorrer de forma progressiva.

Mas você pode verificar algumas mudanças no comportamento do indivíduo. Alguns sinais apresentam dentro de casa, como objetos que somem sem nenhuma explicação (alguns dependentes vendem o que tem em casa para trocar por drogas), agressividade, companhias indesejáveis, problemas no trabalho e estudos, insônia e problemas físicos.

Num estágio mais avançado o dependente pode sofrer esses sintomas:

  • Compulsão pela substância;

  • Dificuldades em controlar o término do uso de drogas;

  • Abstinência;

  • Dificuldade em aceitar que está sofrendo vício;

  • Abandono de realizar atividades corriqueiras, como atividade física ou cultural;

As drogas também podem causar algumas doenças, são algumas delas:

  • Distúrbios mentais;

  • Doenças sexualmente transmissíveis ;

  • Endocardite infecciosa;

  • Enfisema pulmonar;

  • Insuficiência renal e hepática;

  • Desnutrição;

  • Comprometimento cerebral;

Como encontrar ajuda?

A dependencia química deve ser tratada como uma doença e deve ser evitada. Entretanto as Clínicas Ache Aqui possuem diversas unidades em todo o país que contam com psicólogos, psiquiátras e médicos que aplicam tratamento com técnicas cognitivos e comportamentais para auxiliar no tratamento e reabilitação do dependente químico.

Se você possui um parente ou amigo próximo que esteja sofrendo com sintomas de vício de drogas, procura ajuda especializada. O Ache aqui clínicas possuem uma equipe especializada para lhe ajudar a encontrar o tratamento adequado, entre em contato conosco.

Deixe seu comentário